Como ingressar no mercado de desenvolvimento web

16 de Dezembro de 2020

A área de desenvolvimento web vem crescendo muito nos últimos anos e tende a crescer ainda mais.

Afinal, o universo digital tem se mostrado muito efetivo.

Além de proporcionar grande crescimento para o mercado, também tem sido a solução de situações do dia a dia da população. Como pagar as contas, aproximar quem está longe, conhecer novas pessoas, se locomover, pedir comida e receber em casa, entre outras inúmeras possibilidades.

Portanto, o mercado de desenvolvimento web anda muito aquecido. Mas ter bastante vaga, não quer dizer que seja fácil. Pois as empresas buscam por profissionais bem qualificados.

Quando dissemos qualificados, não necessariamente seja obrigação ter formação. Ainda que, essas certificações podem fazer diferença na hora de ingressar no mercado de trabalho.

Então, preparamos algumas dicas para quem está entrando ou deseja seguir nessa profissão.

Continue lendo e confira os pontos que podem te fazer destacar dos concorrentes.

5 dicas para iniciar na área de desenvolvimento web

Autoconhecimento

Primeiramente, tenha claro em sua mente qual área você mais gosta, mais domina e mais tem interesse.

A área de desenvolvimento web é muito ampla. E você pode gostar de mais de uma. 

Conhecer um pouco de tudo é sim muito importante e necessário. Mas, para se destacar, é preciso se especializar e dominar o seu setor para não acabar sendo mais um profissional comum.

Planejamento

Em seguida, pense onde você quer chegar. Quais os seus planos profissionais? O que quer conquistar, onde quer trabalhar? Onde pretende estar a curto, médio e longo prazo? 

Defina o seu objetivo para ter mais clareza em quais caminhos precisa seguir e o que você precisa fazer para alcançar o que almeja.

Estudos

Como falamos antes, formações não necessariamente são uma exigência. Mas, podem sim pesar em alguns processos seletivos.

Existem vários caminhos, graduação, cursos técnicos, cursos extra curriculares, EAD, ou mesmo autodidata.

O que importa é nunca parar de estudar. Afinal, a tecnologia inova a cada dia. E pode-se dizer que o que foi lançado no ano passado, já é ultrapassado agora.

Seja curioso e tenha autonomia

De nada adianta ler livros, assistir vídeos, tutoriais e não colocar tudo em prática. Ser curioso está ligado a isso. 

Proatividade, entender como cada coisa é feita, ter coragem e arriscar, são pontos cruciais nas seleções.

Enfim, ter conhecimento não é tudo. As empresas buscam profissionais que coloquem a mão na massa, que tomem atitudes e encontrem soluções. 

Comunicação

Quando falamos sobre programadores, muitos imaginam uma pessoa que vive somente grudada no computador. 

Mas, para se destacar, é preciso se comunicar bem também. Estar envolvido com as etapas dos projetos, demonstrar interesse, propor ideias, mostrar suas experiências e seu conhecimento.

É aquela velha história de que duas cabeças pensam melhor que uma. O trabalho em equipe flui melhor e os resultados são positivos e com mais qualidade.


Enfim, cada pessoa possui um perfil e personalidades únicas. Porém, essas dicas podem te ajudar nessa ingressão de carreira.

Ainda assim, as suas opiniões, escolhas e objetivos podem mudar ao longo do caminho. O que vale é ter clareza, paciência e persistência. 

E claro, esteja sempre atualizado e disponível para aprender e a ensinar.

Gostou? Então compartilhe com algum amigo!

Leia também

A sua privacidade é importante para nós!

Usamos cookies e outras tecnologias para melhorar a sua experiência de navegação. Ao utilizar essas funções, você aceita o uso desses recursos. Consulte nossa política de privacidade.